"REPARTIR COM OS DEMAIS POVOS O QUE TEMOS RECEBIDO COM FARTURA É O QUE DEUS ESPERA DE CADA UM, ESPECIALMENTE SE CONSIDERARMOS QUE ELE NOS ABENÇOA PARA QUE OUTROS TAMBÉM SEJAM ABENÇOADOS POR MEIO DAS BÊNÇÃOS QUE TEMOS ALCANÇADOS."

quarta-feira, 13 de julho de 2011



DICAS IMPORTANTES PARA EVITAR SITUAÇÕES CONSTRANGEDORAS EM OUTROS PAÍSES!!

Você que deseja ir para o Campo Transcultural, precisa conhecer a cultura do País para o qual deseja viajar; primeiro teoricamente, e depois, no contato direto com aquela cultura. Conheça aqui as curiosidades acerca de diversas culturas!
Cuidado ao viajar para outros países! Conhecer a cultura do país de destino evita problemas. Evite situações constrangedoras durante a viagem.


Veja aqui, um interessante resumo sobre dicas de comportamento em diversos lugares do mundo.


- Na Arábia Saudita, arrotar após as refeições é um sinal de boa educação e de que você ficou satisfeito.

- Palitar os dentes após as refeições na Itália significa que gostou da comida. Mas na França e em muitos outros países é um ato de extrema grosseria;


- Caso você viaje ao Egito, deixe sempre deixe um pouco de comida no prato durante as refeições, mesmo que você esteja com muita fome. Isso simboliza abundância, fartura e elogio ao anfitrião;


- Grande parte dos indianos e marroquinos tem o hábito de comer com as mãos.


- Na Bélgica, come-se com o garfo na mão esquerda, mesmo quem não é canhoto. Já em países árabes, a mão esquerda é considerada impura pois é destinada a higiene pessoal. Portanto, não receba ou ofereça documentos e cartões de visita com esta mão;


- Na Europa é um hábito comum dividir a mesa com estranhos;


- A culinária na Mongólia é exótica, mas não se assuste: um exemplo é a carne de camelo cozida.


- Na Finlândia, rena ensopada ou frita são pratos comuns.



• Larvas, abelhas e grilos fritos são aperitivos na Tailândia.



• Já em Taiwan e Hong Kong, um dos pratos principais é a cobra frita.



• Um prato de sopa de cachorro na Coréia do Sul é considerado energético;


- No Paquistão, homens e mulheres comem separadamente;



• No Oriente Médio é proibido pelo Corão (livro sagrado), mulheres guiando automóveis. Também nunca mostre a sola dos sapatos ao cruzar as pernas, estará assim, insultando o seu anfitrião pois a sola é a parte mais baixa do corpo, portanto a mais suja. Por lá, é comum encontrar homens andando de mãos dadas como sinal de amizade e respeito entre eles;


- Em muitos países da Ásia e Oriente Médio, ao visitar os templos religiosos, deve-se vestir roupas com mangas e compridas, em alguns tirar os sapatos. Sendo proibido tirar fotos no seu interior e tocar imagens e estátuas;


- Na China, atos de assoar nariz na rua ou cuspir são sinais de higiene, significa que está tirando algo sujo de dentro do corpo. E deixar de beber todo o conteúdo do cálice num brinde é sinal de grave ofensa;



• Nunca recuse um cálice de vodka na Rússia, ou qualquer tipo de bebida na Irlanda. Isso é imperdoável, considerado um gesto rude;



• Nos Estados Unidos, no Japão e em vários países da Europa, dar tapinhas nas costas durante um cumprimento é falta de educação. Um aperto de mãos já é suficiente;



- Mostrar a língua um para outras pessoas, em algumas tribos do Tibete, é um ato de cumprimento;


- Na Índia, encarar as pessoas nas ruas, é considerado uma forma de humilhação. Por lá, a vaca é um animal sagrado, o trânsito é sempre desviado caso uma delas resolva deitar-se na rua;


- Na Coréia do Sul, nunca converse com as mãos nos bolsos ou para trás. Isso é considerado um ato grosseiro;



• Nunca presenteie um japonês com relógios, eles simbolizam a morte. Também nunca coloque um cartão de visitas, que acabou de receber, no bolso ou escreva sobre ele, isso é sinal de grosseria. Portanto ao recebê-lo, segure-o na mão;



• Casais não devem se beijar em público, na Indonésia.


É considerado estranho e até invasivo, por exemplo, cumprimentar um estranho com um simples "olá" se a saudação for feita nas ruas da ilha de Manhattan, em Nova York, ou em Xangai, na China. Já os africanos são mais acolhedores e cumprimentam até desconhecidos com um "oi" geralmente seguido de "como vai, tudo bem?". E esperam resposta.

Nem sempre é fácil escapar das gafes durante as viagens internacionais
Nos países do Oriente Médio ou na Índia é preciso ter cuidado com o contato físico: apenas os muçulmanos e hindus ocidentalizados trocam apertos de mão com o sexo oposto. Ocidentais devem ser cautelosos e jamais tomar a iniciativa de apertar a mão de uma pessoa do sexo oposto.

Olho no olho

No Ocidente, as crianças são ensinadas a olhar os adultos nos olhos quando trocam um aperto de mãos. O contato visual direto é tido como o acompanhamento perfeito para o cumprimento, indicando sinceridade e confiança. Em países mediterrâneos, árabes e latino-americanos, o olhar fixo pode ser tão incisivo a ponto de causar desconcerto. Mas não se ofenda se, em outras partes do mundo, o interlocutor que você acaba de conhecer não retribuir a gentileza. Tanto no Japão quanto no Vietnã, o contato visual é em geral evita¬do, assim como na China, onde encarar seu interlocutor demorada¬mente é um ato considerado desrespeitoso.

Nos cafundós da Austrália, os aborígines de raça pura tendem a jamais olhar direto nos olhos do outro até que tenha sido estabelecida uma firme relação de confiança. Nas regiões central e meridional da África, o costume é desviar os olhos ao falar com superiores ou pessoas mais velhas; já em Gana, na África ocidental, as crianças são ensinadas a não olhar os adultos nos olhos no primeiro encontro, pois isso indicaria desafio ou provocação.

Sorridente

Nos Estados Unidos e no Reino Unido, é um gesto polido sorrir quando conhecemos uma pessoa; por mais falsa ou assustadora que seja a careta de dentes arreganhados, a tentativa significa que você está pelo menos tentando se mostrar feliz com o encontro. Mas sorrisos de cumprimento não são um costume universal. Especial¬mente no mundo dos negócios, muitas culturas consideram que o ato de ser apresentado a alguém é coisa séria. Por isso, aqui vai uma sugestão: quando conhecer alguém, tome como exemplo o compor¬tamento de seu novo conhecido: se ele sorrir, sorria também; senão, boca fechada.


Se os japoneses ou indonésios sorrirem ou derem gargalhadas, pode ser que não estejam necessariamente achando engraçado o que você acabou de dizer - é provável que não tenham entendido algu¬ma coisa ou que estejam constrangidos e envergonhados.

Salaam

Os cumprimentos árabes completos podem ser bastante intricados. Depois da troca inicial de "Assalamu alaikum", acompanhada de um suave aperto de mãos, você pode então retirar a mão e tocar seu coração. Um anfitrião tradicionalista pode agora colocar a mão esquerda no seu ombro direito e beijá-lo nas duas faces. Não inicie esse gesto cordial, mas, se acontecer, você deve retribuir. Se depois disso seu anfitrião segurar sua mão, por mais que ele demore, não a puxe. Não se trata de uma cantada, nem de avanço sexual, gesto ou olhar convidativo (Deus me livre, vire essa boca para lá, numa parte do mundo em que a homossexualidade ainda é punida com a pena de morte!), mas um gesto franco e largo de amizade. Imediata¬mente depois, qualquer forma de gesto religioso é lisonjeira. Dizer "Inshallah" ("Se Deus quiser")* é respeitoso e sempre cai bem.

A expressão árabe, cuja transliteração pode ser "in xá,lláh", "wa xá,lláh" ou "wo xá,lláh", originou em português a expressão "Oxalá" ("e queira Deus", "queira Deus", "prouvera a Deus", "tomara", "assim seja"). (N. T.)
Cuidado com o que você observa com admiração, seja um relógio, um alfinete de gravata ou um belo enfeite; um anfitrião mais tradicional pode se sentir obrigado a dar a você o objeto de sua contemplação, e vai se ofender caso você recuse. Depois disso - e é aí que está o problema -, ele espera que você lhe ofereça um presente de igual valor. Por isso, se sentir vontade de elogiar o belo Rolex com diamantes incrustados de seu novo amigo, é melhor fazer isso de maneira indireta e disfarçada.

Um comentário:

  1. Hi there, after reading this awesome paragraph i am
    also glad to share my knowledge here with mates.

    my blog post search engine

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante, faça-o aquí.