"REPARTIR COM OS DEMAIS POVOS O QUE TEMOS RECEBIDO COM FARTURA É O QUE DEUS ESPERA DE CADA UM, ESPECIALMENTE SE CONSIDERARMOS QUE ELE NOS ABENÇOA PARA QUE OUTROS TAMBÉM SEJAM ABENÇOADOS POR MEIO DAS BÊNÇÃOS QUE TEMOS ALCANÇADOS."

domingo, 31 de março de 2013

CAVERNA GIGANTE NA CHINA - MONTE TIANMEN NA PROVINCIA DE HUNAM

O monte Tianmen fica 8 quilômetros ao sul da cidade de Zhangjiajie. Com a forma semelhante a uma mesa, a montanha tem 1.518 metros de altitude acima do mar e 2,2 quilômetros quadrados de superfície no topo. Um dia, no ano de 260, o governador local passou por ali e, casualmente, uma parte da montanha desmoronou e apareceu no precipício uma caverna. O imperador soube da notícia e achou que era um bom presságio. Ele denominou o monte Tianmen, que quer dizer porta do céu. A partir daí, a montanha ficou conhecida em todo o país.
O idoso Chen Ziwen vive no sopé do monte Tianmen desde pequeno. Ele contou a história de Yuwen Yong, imperador do período Zhou do Norte há cerca de 1.500 anos, que cultuava o céu e a terra na montanha:
“Normalmente, o culto se realizava nas Cinco Montanhas Sagradas, porém, naquela época, o Monte Heng das Cinco Montanhas Sagradas no sul da China estava fora do território do imperador Yuwen Yong, por isso, ele escolheu o monte Tianmen para o substituir e realizou o rito ali, chefiando todos os ministros civis e militares.”
A história mostra que o monte Tianmen já é famoso há muito tempo. A caverna no precipício é o símbolo da montanha. A entrada da caverna tem 131 metros de altura e 57 metros de largura, sendo considerada a maior entrada de caverna do mundo. Olhando do sopé da montanha, a entrada parece uma janela de palácio no céu, rodeada por nuvens flutuantes. Nos dias chuvosos, a caverna esconde-se entre as nuvens e a névoa, muito mais misteriosa do que nos dias normais.
O monte Tianmen é tão íngreme que na antiguidade ninguém conseguia subir ao topo. Hoje, foram construídos 999 degraus para os turistas chegarem ao cume e conhecerem a caverna. Para os chineses, o número nove significa o maior. 999 escadas têm o sentido de subir ao palácio do céu.
Zhang Leilei, uma turista, chegou ao monte Tianmen pela primeira vez. Olhando tantos degraus, ela pensou que subir e descer do monte seria muito cansativo:
“Nunca subi este monte. É altíssimo. E as escadas são estreitas e íngremes. Acho que a descida será ainda mais difícil.”
No topo da entrada da caverna, cresce um tipo de bambu verde e baixo. Quando venta, as folhas dos bambus pendurados se esfregam, fazendo o som de “Sa, sa”. De vez em quando, águas caem do topo, como se estivesse garoando. Segundo os habitantes locais, quem consegue pegar 48 gotas de água com a boca pode se tornar um gênio.
 
Na antiguidade, o monte Tianmen atraiu muitos religiosos e eremitas a levarem uma vida de retiro ali. Wang Xu, um famoso inteletual do Reino Qi do período dos Reinos Combatentes, mais de 2 mil anos atrás, morava sozinho em uma caverna do Monte Tianmen, estudando e escrevendo livros. As obras dele são transmitidas até hoje.
O senhor Li Guangzhang é um explorador amador e vive no sopé do monte Tianmen desde pequeno. Ele tem um grande interesse nas histórias e lendas sobre a montanha e fez várias explorações na caverna em que Wang Xu morou.
“Moro no sopé do monte Tianmen. Adoro muito a montanha. Quando era criança, fiquei muito curioso sobre a caverna da lenda e decidi entrar nela quando cresci. Tive muito medo na primeira exploração. Mas, posteriormente, entrei várias vezes na caverna e não temi mais.”
O monte Tianmen situa-se no sul da cidade de Zhangjiajie. Dezenas de anos atrás, os habitantes podiam ver diretamente a caverna Tianmen quando entravam e saíam do portão da cidade. Mas, hoje, as pessoas não conseguem vê-la mais, porque, a caverna muda de posição geológica lentamente. Luo Zhaoyong, fotógrafo, disse:
“Tenho trabalhado como fotógrafo há 30 anos e conheci profundamente o monte Tianmen. Antigamente, a caverna Tianmen era defronte ao portão da cidade. Posteriormente, a caverna mudou para o oeste. Ela nunca parou de mudar.”
Além das lendas e fenômenos misteriosos, a montanha ainda possui outra atração, a rica cultura de academia. Na antiguidade chinesa, o sedor educacional da região era bastante próspero. A Academia Tianmen formou muitos inteletuais e funcionários, dando grandes contribuições para a administração do país. Chen Ziwen, natural da região Tianmen, disse ao repórter:
“O imperador da dinastia Yuan Tiemuer elogiou muito a contribuição da Academia Tianmen e escreveu pessoalmente o nome da Academia.”
A partir daí, a Academia Tianmen ficou conhecida por todo o país. Até 1904, quando o antigo sistema de exame imperial foi cancelado e a Academia foi transformada em uma escola primária.

Porta Para o Céu

O planeta Terra é incrivelmente lindo.
Montes Tianmen na China
Tianmen Dong (Tianmen Caverna) é conhecida como arco ou como caverna, mas embora ela geralmente seja chamada de caverna, na realidade se classifica muito bem na categoria de ponte natural. A abertura enorme formada no alto da falésia do Monte Tianmen (1.518 m de altitude) é de cerca de 130m de altura com 30m de largura. Ela atravessa uma parte da montanha, constituída de paredes verticais rochosas, com cerca de 70m de espessura, formando uma caverna de 60m de comprimento por 30 metros de altura, o que se encaixa perfeitamente na definição de uma ponte natural em arco.
As montanhas de Tianmen as vezes são confundidas com a famosa Tiananmen Square, em Bejin. Mas a Tianmen de que estamos falando, está localizada a oito quilômetros à noroeste da cidade de Zhangjiajie em Hunan e situa-se a 1,500 metros acima do nível do mar. A montanha Tianmen é chamada, muitas vezes, de a “Alma de Zhangjiajie.
Tianmen Dong passou a ser mundialmente famosa quando um grupo de pilotos, em 1999, cruzou o seu vão pela primeira vez de avião. Foi uma tentativa de entrarem para o Livro dos Recordes – Guinness Book. Pela primeira vez uma caverna foi atravessada por um avião em movimento. O vôo foi televisionado e assistido por 800 milhões de pessoas ao redor do mundo. Outro vôo, através da caverna foi feito pelos Cavaleiros da Rússia, que atravessaram a caverna, em 2006, em cinco aviões russos SU-27.
A fenda na face do penhasco foi aberta há muito tempo atraz pela erosão, formando o que hoje é chamada de caverna. Isso aconteceu no sexto ano do Período Wuyong, no ano 263. Nessa época, a montanha era chamada de Songliang. Foi depois disso que ela passou a ser chamada de Tianmen.
Tianmen Mountain é uma torre enorme, com paredes íngremes e um pequeno planalto no topo, cerca de 1.500 m, coberta por uma floresta intacta e primitiva. A paisagem é típicamente rochosa, coberta por uma camada muito fina de terra, que, combinando com o clima local, cria um grande jardim bonsai natural.
Aos seus pés, foi construído o templo Tianmen (com aproximadamente, 10.000 m²), que funciona como o principal centro budista de Hunan ocidental, caracterizado como um centro de peregrinação desde a Dinastia Ming. Chen Ziwen viveu no sopé da montanha toda a sua vida. Ele diz que um imperador chegou a adorar os deuses daqui, há quase 1.500 anos atrás. O imperador da Dinastia Zhou do Norte queria adorar os céus e a terra. E, por isso, escolheu Tianmen montanha como um dos locais ideal para sua cerimônia.
A ponte natural é um destino turístico famoso. Uma série de 999 degraus que leva até o arco, faz com que fique realmente fácil visitar a caverna de Tianmem, mas é preciso preparar bem o fôlego para a íngreme subida.
O arco é acessível por uma estrada em espiral conhecida como Tongtian Avenue. A vista da longa e sinuosa estrada se parece com um dragão ascendendo as montanhas e formando uma vista maravilhosa. Ou, se preferir, pode utilizar também o maior teleférico de passageiros do mundo(7.200 m de comprimento) para fazer a longa travessia. É impressionante como os antigos chineses foram capazes de construirem estruturas de tamanha envergadura como esta.

Um comentário:

Seu comentário é muito importante, faça-o aquí.